21 de março de 2016

Random Card #50: Treacherous Trap Hole

O buraco da desconjuntura!

TreacherousTrapHole-PGL3-EN-GScR-1E
Treacherous Trap Hole
Normal Trap Card

If you have no Trap Cards in your Graveyard: Target 2 monsters on the field; destroy those targets.














Hello Hello! Como vão vocês. Aqui estou eu, o todo lindo, bonito e maravilhoso Daniblack mais uma vez (mais que cara convencido). E dessa vez, estou trazendo para vocês mais uma edição do fantástico quadro Random Card, que para noooooossa alegria, se depender de mim nunca vai acabar.

E a carta da vez é a Treacherous Trap Hole, uma carta de que eu nunca tinha ouvido falar, mas que com o passar do tempo está se tornando cada vez mais popular no jogo, e que recentemente recebeu um reprint na Premium Gold: Infinite Gold, mesma coleção que trouxe o Stardust Charge Warrior e a Beatrice, the Eternal Lady para o TCG, e que já foram faladas aqui nesse site.

Random Card #49: Stardust Charge Warrior
Carta da Semana #157: Beatrice, the Eternal Lady

A Treacherous Trap Hole não uma carta tão nova, mais também não é uma carta tão velha, pois chegou ao TCG na coleção Crossroads of Chaos em 1 de Novembro de 2008. É verdade que de lá pra cá muita coisa mudou, porém a utilidade dessa carta não mudou e creio eu que não vai mudar. Diferentemente de outras cartas que vão e voltam do cenário competitivo pois são úteis contra o "Deck do Momento" mas, inúteis contra o próximo, essa carta não deveria ter perdido sua fama e seu nome. É bem verdade que está virando uma moda usar essa carta em todos os Decks, mas é algo que se justifica pelo seu bom efeito. Se eu fosse o Arlindo Grund, diria que essa carta arrasa no look.



Originalmente, eu creio que a Konami criou essa carta pensando em destruir monstros do oponente, o que não deixa de ser útil (as vezes), porém com a evolução do jogo e dos Decks, as vezes destruir cartas do oponente só dará vantagens a ele. Vamos supor que você destrua um Shaddoll Falco virado pra baixo do seu oponente por exemplo, esse Shaddoll Falco vai voltar para o campo em Posição de Defesa virado pra baixo, e você não vai ter ganho nada com isso. Agora vamos para uma situação parecida, mas você é o dono do Falco e seu oponente o destrói, o mesmo vai acontecer com ele, não terá vantagem alguma. E lembrando que você pode ativar o efeito flip do Shaddoll Falco durante a Main Phase 2, Invocar um monstro e logo na Standby Phase do seu oponente, se ele controlar algum monstro, você pode destruir o monstro dele e o seu Shaddoll Falco e ganhar uma vantagem absurda com isso, já que o Shaddoll Falco voltará para o campo.

Em Decks B.A. e Kozmo essa vantagem pode ser ainda mais absurda, uma vez que destruindo o seu próprio Scarm ou qualquer outro Burning Abyss, você poderá ativar diversos efeitos, que podem ser simples e poderosos como adicionar 1 monstro para mão ou até mesmo banir uma carta do oponente. E vamos supor que você destrua um monstro do seu oponente e um Kozmo Sliprider que você controla, ele perderá um monstro, dependendo do monstro que ele tiver, e você ainda poderá Invocar um monstro Kozmo de Nível 4 ou menor da sua mão, imagina só se for Kozmo Farmigirl ou a Kozmoll Wickedwitch, que você invocar, uma te dará chances para um OTK e a outra de trará proteção de sobra.

Além disso, você também pode destruir monstros Phantom Knight que você mesmo controla e baní-los do cemitério para ativar os seus efeitos, ganhando outra vantagem absurda no duelo. Você pode destruir um Ancient Cloak por exemplo, que no momento não esteja sendo útil, e adicionar qualquer carta do Arquétipo para à sua mão, exceto ele mesmo, podendo escolher a carta que quiser e assim mudar a situação do duelo.

Claro que com tudo isso, você vai querer usar a Treacherous nos seus Decks né? A condição que ela tem para ser ativada não é tão ruim assim, ainda mais se você tiver um Deck somente com uma TRAP, o que não é muito difícil. Se depois de tudo o que você viu, quiser destruir só monstros do oponente com isso, vá em frente, mais saiba o que está fazendo. Antigamente eu nunca iria querer destruir os meus próprios monstros, mas hoje eu posso dizer que os monstros são muito mais úteis fora do que dentro de campo. É como se fosse um técnico de futebol, que não joga, mas deixa o time organizado. Então, vamos ser técnicos?

Diferente da minha outra postagem dessa vez não vamos ter Decklists, pois não acho tão necessário, já que essa carta entra em qualquer Deck e não em um tipo específico. Desejo a todos vocês bons duelos e bons dias, depois eu volto, porque o show não pode parar!

Comentários
2 Comentários

2 Comentários:

Solaire disse:
21 de março de 2016 18:45

Parabens pela matéria, continuem nesse pique....minha opinião: É uma carta valida para decks q n usam muita ou não usam traps...caso contrário vai ser -1 Draw.

daniel black disse:
21 de março de 2016 18:48

@Solaire exatamente, mas é por isso que ela é boa, já que na maioria dos Decks hoje em dia usamos quase nenhuma TRAP.