3 de dezembro de 2014

Random Card #35: Great Maju Garzett


Um monstro esquecido que possui uma capacidade de deixar seu ATK inalcançável...

Great Maju Garzett
Level 6 
Fiend/Effect/Dark
The ATK of this card becomes twice the original ATK of 1 monster that you Tributed for the Tribute Summon of this card.














Great Maju Garzett apareceu pela primeira vez no booster pack Dark Revelation Volume 1 em 2005. Na época, o jogo já estava saindo do período em que o ATK dos monstros era a coisa mais importante para definir a partida. Apesar de conseguir ficar com um poder de ataque alto, ainda era muito vulnerável contra Spell/Trap/Monstros. 

No entanto, o jogo vai mudando e vários suportes vem chegando. Os Monarchs que o diga. A condição de invocação deles é igual a do Maju Garzett, e existe vários suportes para os mesmos. Assim, podemos tornar as cartas antigas utilizáveis, usando as novas cartas e suportes que atendam suas necessidades. Se preparem e vamos lá!



Recentemente saiu uma carta que representa a evolução do Maju. Os outros dois possuem efeito semelhante ao dele, porém vão aumentando o número de tributos para a soma do ATK.

Rocket Arrow Express
Level 10 
Machine/Effect/Earth
Cannot be Normal Summoned/Set. Must be Special Summoned (from your hand) by controlling no cards, and cannot be Special Summoned by other means. You cannot conduct your Battle Phase the turn you Special Summon this card. You cannot activate cards or effects, or Set any cards. During each of your Standby Phases, destroy this card unless you send your entire hand to the Graveyard (min.1).





Podemos deixar o Maju com um ATK de 10.000. Rocket Arrow Express pode ser invocado se você não controla nenhuma carta. Ao invocá-lo especialmente, o tributamos para invocar o Maju, deixando-o com um ATK brutal, de dar medo a qualquer oponente. Porém, pode ser uma jogada arriscada, porque o outro efeito do Express é que, no turno em que ele é invocado especialmente, você não pode ativar nenhum outro efeito, atacar ou setar cartas, deixando apenas o Maju desprotegido em modo de ataque. Essa jogada é boa no primeiro turno.



Sem idéias de que monstro usar para o Tribute Summon? Eis aqui 3 interessantes:

A jogada com o Cyber Dragon é simples, porém pode ser muito eficiente. Primeiro invoque o Cyber Dragon especialmente (2100 ATK) e depois o tribute para invocar o Maju (4200 ATK). Fazendo isso, você pode remover por batalha monstros que estão te incomodando, como o Leo, the Keeper of the Sacred Tree, Star Eater, ou El Shaddoll Winda.

Com o Gorz, the Emissary of Darkness, é tudo muito simples; Basta levar um ataque direto e invocá-lo. Além de parar futuro danos ou OTK, tributando ele, temos um Maju com 5400 de ATK.

A jogada com Obelisk the Tormentor é mais ousada: O invoque especialmente, seja do cemitério ou mão, ou qualquer outro método. Use seu efeito de tributar 2 monstros e destruir todos os monstros que o oponente controla. Tribute-o para o invocar o Maju com 8.000 de ATK, e finalize com um ataque direto. Fazendo isso, ainda pulamos seu efeito de ser enviado pro cemitério no final do turno que é invocado especialmente.


Não acabou por aqui, podemos infernizar ainda mais o oponente. E os Malefics estão aqui para isso. Todos possuem ATK altos e condições de invocação fáceis. Ao colocarmos qualquer Field Spell (de preferência Necrovalley) os invocamos para o tributo do Maju. Seja o Malefic Cyber End Dragon ou Malefic Rainbow Dragon, deixaremos nosso monstro com 8.000 de ATK. Para finalizar, o equipamos com o Spell Equip Big Bang Shot, que dá um poder extra de 400 de ATK e inflige dano perfurante. Se não zerar o L.P do oponente com um ATK só, o deixará beirando a derrota.



Lendo tudo até aqui, você deve ter pensado: "Ainda falta proteção para o nosso Maju". Sim, concordo com você. Lembra do que eu falei no começo do post? Devemos aproveitar que os Monarchs estão recebendo ajuda da Konami, e usar esses mesmos suportes para os monstros antigos que atendem a essa necessidade. Então, estou falando da The Monarchs Stormforth e March of the Monarchs. Muito usada, The Monarchs Stormforth pode usar um monstro do oponente como tributo. Perfeito pro Maju que requer apenas um tributo. Quanto mais forte o monstro do oponente tributado, mais forte seu monstro ficará. E a proteção final, March of the Monarchs, impede que monstros em seu controle que foram invocados por tributo, sejam alvos de, ou destruídos por efeitos de cartas. Seu Maju ficará seguro, e praticamente indestrutível por batalha.

Então é isso meus queridos, espero que tenham gostado, como sempre não é um post longo, mas dá pra mostrar várias possibilidades para cartas antigas. Até mais!

Comentários
10 Comentários

10 Comentários:

Labyrinth Wall disse:
3 de dezembro de 2014 13:19

ja perdi tanto para esse cara!! *-*

sdds

Guilherme Lerry dos Santos disse:
3 de dezembro de 2014 15:49

Dá pra fazer um deck nervoso com esse bixo.

LoliHunter disse:
3 de dezembro de 2014 16:56

Antigamente a gente via um monstro e ficava com medo do ataque dele. Hoje em dia a gente fica com medo de quão OP o efeito dele é.

Mesmo usando carta pra proteger esse coitado aí acho que ele não dura muito não.

Guilherme Lerry dos Santos disse:
3 de dezembro de 2014 22:00

Sei lá, com um trap stun bem acertado acho que Ataque alto dá bastante medo também asuhsauhasuh

Labyrinth Wall disse:
4 de dezembro de 2014 00:44

concordo com o Lerry

Claudio Renan disse:
4 de dezembro de 2014 16:30

Mas hoje em dia, dependendo do deck adversário ainda tem que ser cauteloso, já pensou, deixo o bicho com 10000 de atk, ativo trap stun pra ele não dar chain com armadilha, declaro o ataque com aquele sorriso no rosto, só pra ver aquele Honest indo pro cemitério, kkkk

hugo cesar disse:
4 de dezembro de 2014 22:43

usei muito essa carta no tag force era muito boa
outros monstros bons pra usar como tributo
VICE DRAGON
DEMÔNIO MEGACYBER
NUMERO 39 HOPE depois de usar suas overlays
COSTELLAR PLYADES use seu efeito esvaziando o campo
WIND-UP ZEMAINES use do mesmo jeito que o playades.

Joao Lucas disse:
5 de dezembro de 2014 00:18

@LoliHunter: É verdade, é um monstro bem vulnerável, mas como o @Labyrinth e o @Lerry disseram, uma trap stun bem acertada e uma boa proteção, não é qualquer um que o tira do campo, ainda mais com seu poder de elevar seu ATK pra mais de 5k fácilmente. Qualquer descuido, bye bye sua vida (ou boa parte dela).

@ClaudioRenan: Realmente tem que ser cauteloso, mas ousadia sempre faz parte do duelo (sem se afobar)

Arthur Luiz disse:
8 de dezembro de 2014 14:36

João Lucas,

Gostaria de dar uma observação no seu texto quando comenta: "A jogada com Obelisk the Tormentor é mais ousada: O invoque especialmente, seja do cemitério com Soul Charge ou qualquer outro método. Use seu efeito de tributar 2 monstros e destruir todos os monstros que o oponente controla. Tribute-o para o invocar o Maju com 8.000 de ATK, e finalize com um ataque direto. Fazendo isso, ainda pulamos seu efeito de ser enviado pro cemitério no final do turno que é invocado especialmente."

Quando você faz special summon por soul charge você nao pode conduzir a fase de batalha, portanto o maju garzet nao vai poder realizar o otk.
Foi apenas uma critica construtiva para que os novatos que joguem nao façam uma façanha sem saber oque estão fazendo.

Fora isso gostei muito do texto.

Joao Lucas disse:
9 de dezembro de 2014 02:15

@Arthur Luiz

Que isso cara, eu que agradeço pela sua correção e pelo elogio. Na verdade eu não colocaria "Soul Charge" nessa parte do texto, só que na hora de pensar em "Special Summon", logo pensei em "Soul Charge", e acabei fazendo essa pequena confusão. Irei corrigir. Grato!