28 de setembro de 2014

Análise Banlist Outubro - Paradox


I'm not dead... YET
Bem vindos depois de muito tempo a mais um vídeo! Hoje vou falar um pouco sobre as mudanças na nossa tão amada e polêmica Banlist, para quem ainda não viu as mudanças que aconteceram só clicar aqui para da uma sacada no post onde mostra as mesmas e ficar por dentro do que falarei no vídeo.
Poucas mudanças relevantes a primeira vista, será que alguma coisa nova pode aparecer para se juntar ao grande big 3 do tier 1? Não sabemos por hora, mais ainda temos um pouco do formato do DUEA pra jogar contra Shaddoll, Burning abyss e tellar :)
See you later guys!

Comentários
7 Comentários

7 Comentários:

Carlos Alberto Alberto disse:
28 de setembro de 2014 09:39

Bom video cara. Mas sinceramente...depois que detonaram com infernity que é meu deck favorito eu desanimei de jogar ygo. Muito foda quando fazem isso. Infernity ganhou mundial mas ta longe de ser um dragon ruler da vida, ate pq foi a soul charge que deu essa força pro deck vencer. E nesse formato so shadoll e cia do duelist aliance estão topando. Mas fazer o que. Eu gosto muito desse jogo e se eu quiser jogar vai ter que ser como a konami quer né...abraço e continue assim.

ABCD disse:
28 de setembro de 2014 09:46

Só lembrando que Soul Charge ajudou no primeiro round. No segundo, foi tudo por conta das cartas dos arquetype.

Mas mesmo assim, não teve motivos... Seria o mesmo que limitar o Yamato e com isso o deck inteiro dos bujin vai pro brejo.

Matt disse:
28 de setembro de 2014 13:21

será que algo vai sair de novo para o big 4? pq quando qliphort vier pro TCG vai ser big 4

TheBestCombos disse:
28 de setembro de 2014 23:00

@Carlos alberto, é bem assim mesmo, soul charge era o mais forte do infernity e a konami já tinha limitado, era bem desnecessário mais acho que ele volta num futuro um pouco distante... eu acho :v

@ABCD exemplo perfeito (Y)

@Matt falo big 3 do formato DUEA, acho que no next challenger burning pode virar tier 2 dependendo dos suportes que vierem pra ele, já que qliphoth é bem forte contra o deck, eu acho :v

Carlos Alberto Alberto disse:
29 de setembro de 2014 08:35

Tbm acho paradox...mas pode demorar bastante pro archfiend voltar mesmo então até lá vou apostar em outro deck. Ate pq um bom motivo pra se jogar com mais de um tbm é isso. Se a lista ferrar com uma opção sua vc tem outra. Mas nem curto esses decks novos. A tematica do burning abyss eu acho foda, sou fã do jogo do dante. Mas dos novos se eu fosse montar um deck seria yang-zing pq é synchro e eu to um pouco cheio da konami empurrar exceed de rank 4 pra gente(tellarknight). Mas é isso. Valew pelo post e pela resposta do meu comentario. Abraço

TheBestCombos disse:
29 de setembro de 2014 17:37

@Carlos, é bem isso mesmo, atualmente to me preparando pro próximo formato, provavelmente jogarei de Dragon ruler, meu deck ainda não perdeu pra nenhum tier 1 XD só espero ver esse rendimento em matchs e torneios que jogar, e normalmente respondo todos os comentários já que não tenho nada pra fazer mesmo SUDHSADUHSAUDHA

Carlos Alberto Alberto disse:
29 de setembro de 2014 19:20

Entao paradox eu vou jogar de hieratic ruler agora pq ja tenho o deck e hieratic é um dos meus archetypes favoritos mas contra o meta não sei se terei tantas chances. Mas vou tentar mesmo assim. Prefiro jogar com os decks que gosto mesmo do que com os metas. Atè pq eles só estarão fortes até a lista pegar eles tbm. E estarei na espera pela liberação do terceiro hieratic seal of convocation pra dar uma força pro meu deck kkkk. Falow