17 de março de 2014

Report do YCS - São Paulo! - by Ponponko


 Faaaala Galera, beleza? Ponponko esta de volta para trazer para vocês tudo o que aconteceu no nosso amado Yugioh Championship Series Brasil, que aconteceu em São Paulo no ultimo fim de semana, e que teve várias coisas muito interessantes! Querem saber como eu fui? Aperte em continue lendo!

Para quem não sabe, eu joguei o torneio com meu Constellar, que a decklist foi mostrada e explicada no meu ultimo post, que você pode conferir clicando aqui. Continuando a falar do meu ultimo post, quero agradecer a todos que comentaram e que sugeriram novas opções, agradeço a todos vocês. Caso não tenha visto, respondi a todos os comentários do post, então se você comentou e esperou por alguma resposta, pode checar lá que já estara respondido

Voltando ao tema do post, acho que o deck rodou consideravelmente bem, acho que eu não fiz nenhum missplay muito grande e acho que eu mudaria algumas coisas, depois de ver .como o deck rodou. Tiraria as Veilers para por duas Safe Zones e tiraria algo do meu side para por a Dimensional Fissure.

Para mim a carta que rodou muito bem foi a Kaiser Colosseum, que me ganhou vários jogos... Fiquei decepcionado com as Effect Veilers, como ja mencionei acima e com a Torrential. Enfim, vamos parar de lero-lero e vamos para o Report!

Game 1 - vs Spellbooks.


Comecei contra Prophecy, deck que eu odeio. O Cara que jogou contra mim nesse match foi quem pegou top 16 de Spellbook, e eu entendo o porque. O Deck do cara era realmente muito rápido, além disso ele saiu com com uma otima mão no g1, enquanto eu sai com dois Sombres na primeira mão...No game 2, usei Mystical na tower, ele passou so com uma aprentice magician em defesa e eu com um Pleiades no campo. Usei o efeito do Pleiades na Magician, desci Sombre, fiz Shark Fortress, trouxe M7, efeito da shark no M7,trouxe Gaia Dragon na Shark Fortress, fazendo um OTK. No Game 3, não veio absolutamente nada do meu side, tomei Rivalery of Warlords, e quando consegui tirar e ia fazer um Pleiades para virar o jogo, tomei Spellbook of Fate no meu Sombre, terminando com a Match.

Game 2 - vs Geargia Karakuri


Contra Geargia você nunca quer perder no dado, e foi o que eu fiz. O Player de geargia começou, fez os combos loucos e acabou com um Dracossack, um Naturia Barkion e uma setada. Sai com duas Fiendish Chain, uma D.Prision,Rota,Kaus,Algeidi. Usei ROTA, busquei Pollux e trouxe Pleiades, quando tomei Solemn Warning. Com várias traps mortas na mão, não tive muito o que fazer para segurar o jogo. No Game 2 eu comecei, fiz Pleiades e setei duas, e usei Kaiser Colosseum. Ele usou MST no Coliseu, tentou fazer aqueles combos loucos e tomou effect veiler. Controlei o jogo, e venci o g2 sem muita dificuldade. No game 3 eu realmente fiquei apanhando de backrow o jogo inteiro, enquanto apanhava de um Maestroke. Quando usei Dimensional Prision, tomei Forbidden Lance, e eu realmente não conseguia tirar a porcaria do Maestroke de campo, saí com uma mão horrível.


Game 3 - vs Gravekeeper


Depois de perder as duas primeiras, praticamente desisti de topar, queria jogar mais para me divertir. Foi assim que entrei pensando contra os Guardiões da Tumba, que não foi um deck muito díficil de se jogar contra. No Game um, fiquei o jogo inteiro controlando com traps e com um Thunder King Rai-oh e com um Bear, win sem díficuldades. No game 2, abri com uma Shadow Imprisioning Mirror e com uma Closed Forest, que seguraram o jogo em conjunto com o Pleiades, trazendo minha primeira vitória no campeonato.

Game 4 - vs Noble Knigths

Peguei um Noble Knigths, vulgo ostentação fora do normal. Brincadeiras a parte, acho o deck de Noble um deck muito interessante, e muito chato de se jogar contra. Era um jogo muito importante, porque decidiria se ainda existia alguma remota chance de topar. Ele começou o G1 com um Gawyan com a Destiny e com Kaiser Colosseum, que travou meu jogo, e até eu conseguir me recuperar ele conseguiu controlar o jogo bem e começar na dianteira. No Game 2, abri com Pleiades e backrow, dificultando muito o jogo de NK, e terminei com estilo, usando Shark Fortress e M7 para fazer o OTK. Com confiança, tive um banho de água fria quando vi minha mão do G3. Horrível! 2 Sombre, 1 Algeidi, 2 Forbidden Lance e um Pollux. Fiz um Maestroke para tentar segurar jogo e levei Warning. Tomei um XyZ Rank 5 com Destiny,Gwenfar e Excaliburn. Puxei uma Typhoon, que usei na Excaliburn e ia fazer um Palladymo, mais tomei Rivalery of Warlords, impossibilitando que virasse o jogo.


Game 5 - vs Mythic Ruler



Mythic Ruler, um deck que sempre achei meia boca, e pra melhorar ainda tinha um Player horrível, que nem sabia o efeito das cartas dele direito. Abri com um Thunder King Rai-oh e ele fez um Master of Blades (SENTE O DRAMA), e ainda reclamou pro juiz que eu usei o Efeito do Thunder King... Fiz um Pleiades e dominei ele, que estava sem mão e sem food pros DR no Grave. No Game 2, ele abriu com um Stardust, porém fiz um Pleiades e controlei o jogo. Ele chegou a fazer outro Master of Blades, mais uma Black Horn of Heaven resolveu o problema. Game 5 Ganho, 2-3 até agora

Game 6 - vs Hieratic Ruler



Bem, esse nem posso considerar uma vitória direito, porque o player ainda não tinha chegado, e eu já tinha ganho o G1 por tempo, então ele chegou, mais quando começamos a jogar o Juiz deu a vitoria pra mim, já que o tempo de Match Loss ja tinha acontecido.

Game 7 - vs Gusto



Fique bem claro antes de eu falar nada sobre esse game. EU ODEIO GUSTO!. Que deck chato dos infernos! Bate em um, vem outro, vem outro, vem outro, e incrível! Fiquei o G1 inteiro assim, quando fazia Pleiades e voltava um Gusto pra mão, tomava Contact of Gusto na cara, incrível. Uma Lance agora não vem também... Perdi o Game 1 apanhando pra Gusto THUNDERBOLT, THUNDERBOLT. Foda. G2 foi muito tenso, foi a mesma coisa, só que dessa vez com o drama do tempo, que se aproximava do final, mais consegui vencer com uma Poisounes Winds, travando o combo dos gustos, faltando 40 segundos para acabar o tempo. Começamos o Game 3 já nos cinco turnos de desempate, com ele começando ( Não ganhei uma vez no dado no YCS inteiro, incrível). Começou setando um Monstro, Assim como eu fiz (Sombre hahaha). Turno 3, dele, ele fez aquele Gusto que destroi monstros por efeito e atacou mais tomou Lance (Gusto Gulldos 2200 - 1400 =  200 de dano). Depois usou o efeito do Gulldos e destruiu o Sombre, me deixando com o campo aberto e sem muitas cartas na mão (Tomei dois MST). Com um Bear e um Honest na mão, puxei uma Effect Veiler e examinei minhas opções. Se eu setasse o Bear, ele podia usar o Efeito do Gulldos e destruir ele, e atacar. Baixei Effect Veiler em modo de ataque, a jogada mais macha do YCS. Bati com a Veiler no Gulldos e Baixei Honest, destruindo os dois. Passei de turno, cagando que ele não puxasse um Gusto. E não puxou, veio uma Solemn Warning, que fez eu ganhar esse Game.

 Game 8 - vs Mermail



Mermail e um deck que eu entendo bem. Entendo muito da chatice que esse deck é. Perdi o Game um pra um Abyssgaios no primeiro turno, resultado da apelação ambulante que é o Teus. Não tive muito o que fazer, além de torcer por um Dark Hole, que não veio. No G2, Abri com Pleiades e tomei Heavy Infantary, que é muito chato! Ele trouxe um Teus, adicionou Sphere e setou 3. Consegui virar o jogo com 2 MST nas 2 Spheres e outro Pleiades no meu turno, que controlou o jogo junto com a  Macro Cosmos, que deitou e rolou pra cima dos Mermails. G3 foi tenso, com Maestroke Control, não veio side. Consegui segurar o jogo por um bom tempo, mais tomei um Big Eye, usei BTH e ele deu chain com Lance, roubando meu Maestroke e ganhando o jogo

Game 9 - Bujin



Errei tanto nesse jogo que nem queria comentar. Tava levando o jogo totalmente na brincadeira, na participação e errei umas coisas bestas, acabei perdendo de 2x1 para o Maldito Crane, que ele sempre tinha na mão. Além disso, usei Soul Drain tanto no G2 quanto no G3 e tomei MST em Chain nas duas, incrível... Ah, e tomei Rivalery de Side, só pra melhorar, enquanto o meu não veio quase nada... Enfim, foi um jogo divertido...

-

Bem Galera, esse foi meu Report do YCS, não fiquei decepcionado, nunca imaginei que pudesse topar e conseguir resultados expressivos, fui lá para trocar cartas e jogar sem compromisso. Acho que foi um ótimo torneio, um ótimo lugar, com uma organização perfeita, inclusive nos eventos paralelos, que joguei alguns no domingo, fiquei em Segundo em um Win-a-Mat e em Quarto em um dos Regionais. Terminei meu próximo deck, meus Baby Raccoons, Consegui coisas pra minha coleção e o mais importante, me diverti pra caramba. Espero que tenham gostado, desculpem por não trazer observações mais detalhadas, isso foi o que eu me lembrei quatro/cinco dias depois do evento, porque não pude fazer na hora e mais detalhado por cansaço e por falta de computador. Desculpem pela demora para soltar esse post, estive em uma semana muito cheia de coisas no colégio, mais o pior já passou e pretendo escrever mais um post até domingo. Queria aproveitar esse Espaço para perguntar se vocês preferem uma previsão minha da Banlist ou o Início de uma nova série, chamada Budget Decks, em que eu falaria decks competitivos e baratos, começando com Baby Raccoons. Respondam nos comentários.

Obrigado a todos que acompanharam o post, que curtiram e que torceram por mim lá, agradeço muito mesmo a cada um de vocês.

See Ya!
Ponponko


Comentários
9 Comentários

9 Comentários:

Emerson Martins de Deus disse:
17 de março de 2014 14:58

Porra ponpoko, não aprendeu nada comigo? :/ -qq

Brincadeiras a parte, parabéns por ter a oportunidade de participar de um YCS.

Se você foi fiel ao escrever, até diria que você se saiu bem, Constellar é um deck competitivo, mas tem muito inimigos que podem bloquear o jogo deles, uns famosos outros nem tanto.

Parabéns Ponpoko o/

P.s: No próximo YCS no Brasil eu vou também(lá para 2060).

SouzinhaDlcinha disse:
17 de março de 2014 15:03

#Budget Decks; Foda-se a Banlist -q
Parabéns aí pela participação (like inveja)

Porthos disse:
17 de março de 2014 15:11

Maldito, eu queria tanto ter ido jogar nessa porra. ;-;

BTW, bom reporte. É normal não ir tão bem n'um evento desse tamanho, ainda mais quando se joga de algo control... Parece que o tempo quer foder sua bunda. D:

Well, no YCS São Paulo 2015 - se tiver - a gente se encontra. \0

#BudgetDeck
#LiberemPortinhosNoChat
#EmersonViado

Emerson Martins de Deus disse:
17 de março de 2014 15:14

Também te amo porthos s2

Porthos disse:
17 de março de 2014 15:15

<3

Agora me desbana, amor.

Labyrinth Wall disse:
17 de março de 2014 15:52

só de ter participado já é uma grande conquista, lembre do Samuelzinho aqui que não pode ir!! T.T

parabéns pela participação!! =)

Anônimo disse:
17 de março de 2014 16:57

Boa participação, valeu por nos contar sua experiência. E pelo o que você descreveu, em campeonato assim, tê um monte de player chato, e pouquissimos players ruins, como o cara do mythic Ruler.

Anônimo disse:
18 de março de 2014 05:37

Parabéns pela participação do YCS, deck ficou legal porém poderia ser melhor, sheratan eh horrivel e sempre vai ser, bixo n tem sinergia nenhuma com o deck,(lv3,baixo atk,ngm usa em defesa) vc poderia ter usado 2 Twisters no side(contra light-impri,rivalry) usado a 3 algiedi,9 traps n eh pouco mas n eh o sufiente em constellar, 11 eh uma quantidade melhor(tirando as kaisers) 2 cydra de side(sinergia com kaus, bait de backrow, beater respeitavel) no lugar do veiler q n gostou. boa sorte na proxia

Cyberblu disse:
18 de março de 2014 13:48

Valeu por nos contar a sua experiencia Ponpoko, e espero que na próxima vez que ter YCS aqui no Brasil eu também vá :)