28 de agosto de 2013

Decks: Dragon Ruler Plants (Setembro/2013)

elemental

Eae galerinha, como vão? Eu voltei. E agora com um deck que esta dando o que falar nesse novo formato que se aproxima: Dragon Rulers + Plants! Na verdade, o deck usa bem poucas plantas, mas é o suficiente para receber esse nome. Curiosos para saberem como funciona, então sigam-me!



A decklist que vou comentar foi feita pelo wendellyugiohbrazil, segue abaixo o vídeo com o gameplay, e depois a decklist do mesmo (O LG me disse que essa é a melhor decklist que ele viu):

Decklist:

Monsters [27]:

  [3] Blaster, Dragon Ruler of Infernos
  [3] Tidal, Dragon Ruler of Waterfalls
  [3] Redox, Dragon Ruler of Boulders
  [3] Tempest, Dragon Ruler of Storms
  [3] Effect Veiler
  [3] Maxx “C”
  [2] Debris Dragon
  [2] Card Trooper
  [1] Gorz the Emissary of Darkness
  [1] Lonefire Blossom
  [1] Spore
  [1] Dandylion
  [1] Dragunity Corsesca

Spells [13]:

[3] Sacred Swords of Seven Stars
[3] Mystical Space Typhoon
[2] Different Dimension Reincarnation
[1] Book of Moon
[1] Dark Hole
[1] Foolish Burial
[1] Mind Control
[1] One for One


Extra Deck [15]:

[1] Star Eater
[1] Crimson Blader
[1] Scrap Dragon
[1] Stardust Dragon
[1] Colossal Fighter
[1] Black Rose Dragon
[1] Orient Dragon
[1] T.G. Hyper Librarian
[1] Ally of Justice Catastor
[1] Armory Arm
[1] Formula Synchron
[2] Mecha Phantom Beast Dracossack
[1] Number 11: Big Eye
[1] Number 74: Master of Blades

Antes de ver essa decklist, eu vi uma que usava Mist Bird Clausolas também, então é uma boa opção para colocá-lo no Extra Deck como Synchro de Level 3 que, as vezes, pode ser bastante útil. Essa mesma decklist que eu vi tinha Shooting Star Dragon para ser feito com Stardust e Formula Synchron, testei e consegui fazê-lo com facilidade.

lonefire dandylion spore

A base Plant do deck é composta com apenas 3 monstros: Lonefire Blossom, Dandylion e Spore. Todos LIMITADOS no formato atual. Lonefire serve para buscar Dandy ou Spore do deck por tributá-lo ou por tributar um Fluff Token invocado pelo Dandy para invocar Spore. E Spore pode ser invocado do cemitério pelo próprio efeito e como um Level 4 se banindo Lonefire ou Blossom.

Ativando Foolish Burial e enviando Dandylion do deck ao cemitério para invocar 2 tokens, Normal Summon Lonefire Blossom, tribute um token e invoque Spore do deck. Faça Synchro de Level 2, 4 ou 5. Revivendo Spore pode fazer outro Synchro de Level 8.

Se você tiver um monstro de Level 7 (Dragon Rulers ou Black Rose Dragon), você pode reviver Spore como um monstro de Level 4 (por banir Lonefire) para fazer outra Synchro de Level 11: Star Eater.

One for One é útil para invocar um Spore, Effect Veiler ou Dragunity Corsesca do deck rapidamente, todos monstros de Level 1 e Tuner. Dragunity Corsesca não vai usar seu efeito já que não pode ser equipado em nenhum monstro do deck, mas por ser Dragon, WIND e buscável por One for One, ele é uma boa opção para a build dos Dragon Rulers.

blaster2 tidal1 redox1 tempest1

Agora que eles estão sem seus bebezinhos, os Dragon Rulers precisam se virar sozinhos, e já começou bem. Blaster, Tidal, Redox e Tempest se dão muito bem com as plantinhas.

Blaster se da bem com Lonefire Blossom, que por descartar a ambos da mão se pode destruir uma carta no campo.

Redox se da bem com Dandylion ou Maxx “C”, que por descartar ambos da mão pode reviver um monstro do cemitério E ainda invocar 2 tokens. Reviva um tuner e já pode chamar um Formula Synchron.

Tidal e seu efeito de enviar monstros do deck ao cemitério também pode ser útil caso você tenha 2 deles na mão, envia Dandylion ou Spore do deck ao cemitério para poder aproveitar de seus efeitos.

E depois temos Tempest, que combina com Spore e com o Dragunity Corsesca para adicionar outro Dragon do deck à mão, como Debris Dragon ou seus companheiros Dragon Rulers.

ctrooper sacredswords ddr

Outras três cartas que eu gostaria de comentar. Card Trooper nesse deck tem o papel de encher o seu cemitério rapidamente para dar food aos Dragon Rulers para serem invocados mais rapidamente, além de ser um ótimo beater, EARTH, e draw engine. Sacred Swords of Seven Stars também é útil, para banir seus DRs da mão e lhe dar +2 de graça na mão, já que o efeito do DR permite que busque outro semelhante do deck quando banido. E depois temos D.D.R., que por descartar uma carta pode reviver um monstro banido e equipá-lo com ela, o que é bom se usado com DRs e Dandylion também.

scrapdragon stareater dracossack

Na parte do Extra Deck temos 3 monstros quase que fundamentais para o deck funcionar devidamente. O primeiro deles é Scrap Dragon. Esse dragão tem o efeito de destruir 1 carta em cada lado do campo uma vez por turno, e você pode aproveitar-se dos tokens invocados por Dandylion ou até mesmo Dracossack como sacrifícios para destruir cartas do oponente com este efeito.

Star Eater pode ser invocado usando Spore, como já dito antes, ou com Debris Dragon, que é um pouco mais provável. Invoque um Dragon Ruler, Normal Summon Debris Dragon, reviva um monstro com 500 ou menor de ATK do cemitério (Dandylion, para mais tokens futuramente, ou algum tuner), invoque Star Eater e ainda tenha um monstro no campo.

E por último o Mecha Phantom Beast Dracossack, um dos monstros mais chatos da atualidade em minha opinião. Enquanto estiver no campo ele pode invocar até 4 tokens – 2 por turno – e por tributar esses tokens ele pode destruir cartas do oponente, apesar de não pode atacar quando faz isso, mas pode contar com o apoio de Scrap Dragon para ambos poderem produzir um efeito semelhante e poderem atacar. Perceba que Dracossack não pode ser destruído em batalha ou efeito de cartas enquanto você controla QUALQUER TOKEN, não necessariamente um invocado pelo efeito dele, então os Fluff Tokens podem ser úteis para a proteção, mas não para ativar o efeito de destruição dele.

deck 2

Acima a decklist que citei no começo do post. Ela só possui algumas diferenças como a colocação de 3 Ryko, Lightsworn Hunter e 2 Scapegoat no Main Deck. Os bodes-expiatórios são bem úteis nesse deck, para protegegem Dracossack, fazerem Synchro Summons com os tuners ou mesmo lhe protegerem de ataques diretos do oponente.

No Extra Deck tem 2 Black Rose Dragon, 1 Mist Bird Clausolas e 1 Shooting Star Dragon de diferença. Como Scapegoat pode deixar mais tokens no campo, você pode invocar um Formula Synchron, comprar 1 carta, e um Clausolas para zerar o ataque de um monstro do oponente e depois também usá-lo como material Synchro.

Enfim, as duas decklists apresentadas são quase iguais, apesar de uma parecer ser mais focada em Dracossack e a outra em Black Rose Dragon e Shooting Star Dragon, com um extra de destruição e mill (Ryko), aproveitando a semi-limitação de Scapegoat para abusar de Synchros. Só testei o segundo deck, já que no primeiro tinha vídeo de gameplay, e segundo meus resultados ele parece ser tão bom quanto o primeiro (Ganhar com Shooting Star Dragon atacando diretamente 3 vezes no mesmo turno não tem preço).


Então é isso galerinha, antes de encerrar o post, quero deixar uma pequena pergunta para vocês: Qual o próximo deck que eu deveria trazer aqui no blog com o formato TCG de 2013? * T.G.s; * Agents; * Zombies (Puro ou com algo especial como Plantas ou Lightsworn); * Hieratic; ou * Destiny HERO? Deixem sugestões.

Sexta-feira eu volto com um artigo de interesse à todos vocês que estão desesperados após grande parte das suas staples serem capturadas pela Konami TCG, não percam! Até mais!

Comentários
30 Comentários

30 Comentários:

Emerson Martins de Deus disse:
28 de agosto de 2013 10:06

Eu já tava curioso faz um tempo para saber como é esse DR Plants, olhando assim parece uma build competente, mas será que vai longe?

P.s: Eu sempre sou o primeiro a comentar xD

Anônimo disse:
28 de agosto de 2013 10:10

Hieratics, estao bem sumidos.

Emerson Martins de Deus disse:
28 de agosto de 2013 10:30
Este comentário foi removido pelo autor.
Emerson Martins de Deus disse:
28 de agosto de 2013 10:31

@Anônimo Acima: Pode ter certeza que vão voltar(TCG), eu tenho uma build com o novo formato TCG e anda bem promissora, consigo fazer 3~4 xyz rank 6 em um turno com ela causando OTK's. E com a falta de Heavy Storm eu coloquei A Wingbeat Of Giant Dragon que tem o efeito bem aproveitado invocando Tefnuit especialmente e depois retornando para mão e destruindo as backrows do oponente e reinvoca-ló para começar os combos...

Anônimo disse:
28 de agosto de 2013 12:03

Deixa o Zombiesworn para quando sair suportes pros LS, quem sabe venha algo que ajude ele. Faz Destiny HERO ou Agent, ou Destiny HERO T.G. Agent (tudo misturado).

Anônimo disse:
28 de agosto de 2013 12:47

esse deck até que é fortinho hein?

LG disse:
28 de agosto de 2013 12:53

Blu, zombie + destiny hero + dad é o deck synchro mais consistente desse prox formato, faz sobre ele XD

Guilherme Lerry dos Santos disse:
28 de agosto de 2013 14:19

É deck de one shot esse ai. Gasta tudo que tem pra fazer as putarias, mas tem sorte que nesse formato o cemitério tá suave. Acho que esse deck vai ficar no virtual mesmo, na real pessoal joga com muito mais cautela que esse cara do video.

AnthOny "L" Wesley disse:
28 de agosto de 2013 15:00

Essa praga nao tem fim?
pior cagada da konami esses dragoes.

Revenge disse:
28 de agosto de 2013 15:21

Queria ver uma build com Zombie/Synchro usando o Malicious...to com uma aqui mas ainda ta rodando mtu lento...

Effy disse:
28 de agosto de 2013 15:45

Quero ver Destiny HERO, eles são muito interessantes :)

AnthOny "L" Wesley disse:
28 de agosto de 2013 15:50

D-Hero perderam o primo Stratos. So roda no formato OCG.

Potter disse:
28 de agosto de 2013 16:06

@AnthOny "L"
a Konami até podia ter criado eles, mas com a habilidade de apenas poder controlar um Dragon Ruler face-up por vez, aí só iam rodar em outros decks!!

AnthOny "L" Wesley disse:
28 de agosto de 2013 16:10

Aquela regra de 6 Ruler por deck tbm seria legal.

Anônimo disse:
28 de agosto de 2013 16:12

http://yugiohprofesional.com/plant-dragon-ruler-ocg/

CyberBlu disse:
28 de agosto de 2013 16:21

No OCG eles tem Trishula, mas no TCG nós teremos Kiganjou, que é mais legal (Invocando ele com múltiplos tokens de Level 1 para aumentar o ATK para mais de 3500).

AnthOny "L" Wesley disse:
28 de agosto de 2013 16:44

Kiganjou ?

AnthOny "L" Wesley disse:
28 de agosto de 2013 17:21

Aaah. Mas nem se compara com o Trishula.

Mateus Henrique disse:
28 de agosto de 2013 18:45

Queria Ver alguma ideias com Deck menos populares tipo, T.G , D-HERO
tipo esses ^~

dragon_hibrid disse:
28 de agosto de 2013 20:40

t.g.

Henrique disse:
28 de agosto de 2013 23:54
Este comentário foi removido pelo autor.
Sir. Porthos Fitz-Questitor disse:
28 de agosto de 2013 23:55

Effy viadão adorador de pirokas. E nem vou comentar do que o Anthony gosta...

Quanto ao post, acho que esse Deck só não roda comigo, minha mão inicial sempre vem horrível. ;-;

Sir. Porthos Fitz-Questitor disse:
29 de agosto de 2013 00:00

Perdoai-me pela ousadia, mas esta noite estou sentindo uma ilimitada quantidade de anarquismo em minhas veias filosóficas, então, farei a prática de double comment.

Gostaria que os senhores(as), por obséquio, fizessem um artigo relacionado ao Deck de Hieratic, e suas possibilidades nesse arrojado formato que está por vir no TCG.

Beijos/Abraços,
Sir. Porthos Fitz-Questitor

Guilherme Lerry dos Santos disse:
29 de agosto de 2013 11:28

^ Hieratic é zica, mas quero ver quem bate Traptrix agora. Andei rodando esse deck de uns tempo pra cá, no TCG dá pra dar search de Deep Dark Trap Hole com eles. Meu, nem inzektor dá conta da minha Backrow com esse deck. Agora vale a pena até rodar Trap Hole normal de tão bom que o deck tá. Sem medo de Heavy Storm e rodando alguns spell continuos para assustar o oponente (Shard of Greed) e fazer gastar as MST, esse deck tá rodando MUITO BOM nos testes. Dá pra rodar facilmente Vanity Emptyness, Fossil Dyna, todos os anti-metas famosos, e ainda rodar as Spell/Traps do oponente com uma enxurrada de Myrmeleos special invocados do Cemitério com Haunted e Beetron, ou do deck com Nep, na mirror match só trocar as Trap Hole por Chain/Breakthrough e assista seu oponente chorar. Sério, eu estou assustado com a consistência desse deck.

John Reiz disse:
29 de agosto de 2013 11:59

É não é mesmo.. esses dragoes sao escrotamente e irracionalmente fortes ..nao se precisa nem de sorte mais heim yu-gi-oh..hoje heim dia e tudo questao de ter dinheiro pra comprar as cartas robadas

Sir. Porthos Fitz-Questitor disse:
29 de agosto de 2013 12:31

@John Reizn: Em que porra de jogo é bom depender da sorte? Você joga IRL mesmo ou tá só repetindo o que todo mundo diz sobre money em YGO?

Titio Porthos disse:
29 de agosto de 2013 12:34

Realmente, essa porra de deck não roda na minha mão, jogar de de Ojama que ganho mais...

CyberBlu disse:
30 de agosto de 2013 01:51

Titio Porthos tava exaltado ali em cima.

Enfim, eu acho que o jogo esta bastante equilibrado no novo formato. A Konami sempre vai lançar archetypes fortes para atrair novos "jogadores" (leia-se: dinheiro), e é sempre bom lembrar que ela não faz o preço das cartas, apenas coloca uma raridade nas mais fortes para fazer poucos terem ela, então quem pegar ela no pacotinho vende pelo preço que quiser, mas tem aqueles que preferem comprar pacotinhos ao invés desses outros jogadores que vendem, aí sim da lucro pra Konami.

E quanto as cartas roubadas do formato, elas são apreendidas pela banlist por um tempo (ou para sempre).

flavio lopes disse:
30 de agosto de 2013 10:53
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
flavio lopes disse:
30 de agosto de 2013 10:53
Este comentário foi removido por um administrador do blog.