16 de junho de 2013

[Zx 108 Analysis] Agora o bicho vai pegar

episode108

Eae galerinha, como vão? Mais um domingo onde o Zexal irá nos deixar ansiosos para o próximo domingo. Não é a toa que é o Yu-Gi-Oh! mais misterioso da história. Nesse episódio é a vez de Rio e Shark duelarem. Um duelo repetido, só que agora com um diferencial: Rio Kastle não está sob o controle de si. Vish…



640px-Ryoga_&_Rio

O progresso de Yuma e Astral em sua jornada em busca dos 7 Legendary Numbers está quase chegando ao fim. Até agora eles já passaram por cinco das sete ruínas e obteram quatro números. Vimos as histórias do passado de Durbe e seu Pégaso (Episódios 99 e 100), Vector o Imperador do Mal (Episódios 101 e 102), Alit o Lutador sem medo (Episódios 103 e 104), Misael e seu Dragão-Deus (Epísódios 105 e 106) e Gilag e seu Tanuki (Episódio 107). Quando pensamos que teríamos uma pausa nessa jornada, surge uma surpresa.

A sexta ruína guarda vários mistérios, justamente por estar submersa no oceano, deixando um clima meio Cavaleiros do Zodíaco no ar (quem lembra da temporada de Poseidon?). Nesse episódio, a irmã de Shark, Rio, é levada em meio à tempestade por uma voz estranha. Shark, Yuma e Astral se lançam ao mar também para resgatar Rio, deixando Kotori sozinha à bordo do D.D. Airship. Quando a tempestade acaba e o sol aparece, Yuma e Shark se encontram na ruína submeresa, uma espécie de labirinto. O mais legal é que nesse lugar eles podem respirar tranquilamente (Como na saga de Poseidon de Cavaleiros do Zodíaco).

Shark é separado de Yuma e Astral quando o labirinto se modifica como se tivesse vida própria. Ele é levado até a sua irmã que esta vestida de uma forma um pouco diferente do comum. Rio está possuída por um espírito de Number chamado Abyss. Shark se decide que irá salvar Rio e os dois começam um duelo.

Duel Start! [Shark x Rio]

sharkshark1640px-Prince_Vector's_Armyshark2

Durante o duelo, Rio faz com que Shark tenha uma alucinação. Nessa alucinação, mostra Shark como imperador e o seu vasto império, em um cenário que me lembrou um pouco Atlântida, por causa do vestuário dos soldados que usam quase nada de armadura e lanças. Nessa visão também tem a presença de Rio, que é uma espécie de conselheira de seu irmão.

Uma guerra começa e Shark parte com o seu cavalo até o porto, onde barcos se aproximavam, e logo três Gorgonic Guardian aparecem no oceano e congelam vários dos soldados de Shark. A parte mais interessante é quando Shark reconhece Vector a bordo de um dos navios de guerra.

Como vocês podem ver na imagem do começo desse post, mostra Shark com uma armadura dourada e um símbolo Barian no peito. Isso poderia significa o que todos nós já esperávamos de que ele é realmente um Barian junto com a sua irmã?

Então agora temos uma pergunta: Porque Vector, que é um Barian, iria atacar o império/reino/seilá de Shark que também é um Barian? Estou ansioso para saber a opinião de vocês quanto a isso (nos comentários, sem brigas, por favor).

Continuando. Vamos para as cartas novas do episódio, até porque não gosto de dar muito detalhes/spoilers para que vocês possam acompanhar melhor quando tiver legendado no ANexus.

Rio Cards:

300px-GorgonicGolem-JP-Anime-ZX

Gorgonic Golem
Level 3 / DARK
ATK: 1200 / DEF: 600
Rock / Effect
Quando esta carta é destruída em batalha, o ATK do monstro que a destruiu se torna 0.

Gorgonic Gargoyle
Level 3 / DARK
ATK: 1000 / DEF: 800
Rock / Effect
Quando um monstro “Gorgonic” é Normal Summoned: Você pode Special Summon esta carta da sua mão.

300px-GorgonicGargoyle-JP-Anime-ZX

Infelizmente não tivemos cartas novas do Shark nesse episódio, mas a presença do novo archetype Gorgonic de Rio/Abyss foi marcante. Olhem só essas artworks legais. Está certo que de Rock eles não têm é nada, mas quem se importa, eles são legais mesmo assim.

Gorgonic Golem faz com que o ATK do monstro que o destruiu se torna 0. Sendo assim, faz do novo archetype um bom companheiro para os Reptilianne que têm efeitos focados em 0 ATK/DEF. Seria melhor se fosse do tipo Reptile, mas Rock também está bom.

Gorgonic Gargoyle é mais uma daquelas que dão velocidade aos mini-archetypes. Provavelmente não teremos muito mais membros para os Gorgonic (Quando aos Holy Lightning do Durbe, provavelmente tenha mais um ou dois membros que aparecerão no próximo episódio), então o Gargoyle não seja tão útil por falta de alvos. Mas, ele também pode ser um sinal que teremos mais Gorgonix (espero que sim).

300px-GorgonCharm-JP-Anime-ZX

Gorgon Charm
Normal Spell Card
Selecione 1 monstro virado para baixo em Posição de Defesa; mude-o para cima em Posição de Defesa.

Acho legal quando lançam uma carta que tenha relação com algum archetype mas pode ser usada em um deck focado em uma coisa totalmente diferente, como é o caso de Gorgon Charm, que aparece um Gorgonic na artwork mas o efeito é genérico. O problema é que o efeito não é tão útil assim, mas tudo bem.

Gorgonic Guardian
RANK 3 / DARK
ATK: 1600 / DEF: 1200
Rock / Xyz / Effect
2 Level 3 Monsters
Enquanto esta carta estiver virada para cima no campo, monstros com 0 pontos de ATK são destruídos. Durante o turno de qualquer jogador: Você pode remover 1 material Xyz desta carta; negue os efeitos de 1 monstro virado para cima no campo, e seu ATK se torna 0.

300px-GorgonicGuardian-JP-Anime-ZX

Um monstro que está bastante relacionado com a lenda que envolve Shark, Vector e Rio (Ou seria apenas uma alucinação como diz na prévia do próximo episódio? Nunca se sabe, o Zexal sempre surpreende). Aparece na artwork de Gorgon Charm e já é bastante visível que o seu efeito é de pedrificar suas vítimas, como uma górgona faz. O efeito do Gorgonic Guardian é de automaticamente destruir todos os monstros com 0 pontos de ATK no campo, que podem se transformar com a ajuda do seu segundo efeito por remover materiais Xyz ou com a ajudinha do Gorgonic Golem.

 

Acho que todas essas cartas da Rio serão lançadas ou no Shadow Specters, no Number’s Hunter ou no Duelist Pack do Shark e da Rio. Espero que venham no Shadow Specters, mas parece que o espaço desse booster está um pouco apertado para cartas vindas do anime (10 espaços para monstros, na verdade, sendo que a partir do prefix 16 já são os Ghostricks) e já tem vários que já estão na fila. O que vocês acham?


Então é isso galerinha, espero que tenham gostado do post. Semana que vem vai ser o episódio mais aguardado por mim até agora, e para vocês? Esse episódio foi meio rápido mesmo, não teve cartas novas do Shark (#xatiado), mas as da Rio foram bem legais né? Não se esqueçam de comentar e até mais!

Comentários
17 Comentários

17 Comentários:

Anônimo disse:
16 de junho de 2013 20:06

gostei dos gorgonic tambem

Lucas Gaspar disse:
16 de junho de 2013 20:08

Vão para o WTF Konami.

CyberBlu disse:
16 de junho de 2013 20:10

Não diga isso, acho que eles não merecem WTF, até porque as cartas do Zexal são diferentes.

CyberBlu disse:
16 de junho de 2013 20:12

Diferentes no sentido de artworks futuristas igual é Heartland (okay, virei fanboy)

Anônimo disse:
16 de junho de 2013 20:14

cara ta na cara que o shark e a rio são barians

Anônimo disse:
16 de junho de 2013 20:16

na prévia ta dizendo que durbe diz que tem dois barians nessa ruína, e por incrível que pareça o nome do episódio é "colisão entre dois numbers", sendo que o shark e a rio estão duelando e eles não tem numbers, aliás, a rio só que tem

Anônimo disse:
16 de junho de 2013 20:20

cara o shark tem o number 32, então dá muito bem pra ter uma colisão de numbers

~Apocalipse~ disse:
16 de junho de 2013 20:23

Wow, gostei bastante do efeito do XYZ, a única coisa estranha e eles serem rock...com uma arte meio réptil...mas enfim dahora.

Anônimo disse:
16 de junho de 2013 20:25

shark drake?

Anônimo disse:
16 de junho de 2013 20:25

achei esse Gorgonic Guardian meio redundante já que atacar um monstro com 0 de atk é praticamente a mesma coisa que atacar diretamente então pq raios destruir o monstro com 0 de atk já que isso não vai mudar nada.

Kimer disse:
16 de junho de 2013 20:44

Minha teoria imbecil: Vector é cruel, agressivo e sem escrúpulos, enquanto Shark e Rio seriam mais pacíficos. Shark e Vector provavelmente tinham atritos entre si, por conta de suas personalidades totalmente distintas. Além disso, Shark e Rio eram mais respeitados do que o Vector, o que despertou uma inveja muito grande neste último. Aí então ele resolveu atacar o Shark.

Mas eu mesmo duvido que seja isso. Provavelmente deve ter algo bem mais profundo nisso tudo.

Anônimo disse:
16 de junho de 2013 20:45

alguem ja pensou q esse mundo pode ser o barian world antes de ser destuido? no inicio qndo o vector vai matar a rio o mundo se parece mt com barian.

Enzzo Sato disse:
16 de junho de 2013 20:56

Seria interessante misturar Gorgon e Reptilianne

Anônimo disse:
16 de junho de 2013 21:16

esse Xyz e o dos ghostrick tao querendo fazer a tour ser banida de vez sem duvida uma carta espetacular q da uma automatica destruicao para effect monster dracossack pena e o seu ataque

Anônimo disse:
16 de junho de 2013 22:01

por que um Golem e uma gargoyle nao podem ser rock meu povo? soh desculpa pra criticarem

Zero disse:
16 de junho de 2013 23:35

minha teoria: Shark criou os Barians!

pelo preview do proximo EP aparece o Durbe (nao sei como escreve) chegando com seu pegaso no local da batalha. Pq nao, o Shark e a Rio, nao conseguiram entrar em acordo com Vector e os demais para juntos tentar defender a terra de alguma coisa (provavelmente o deus barian) e no final da alguma coisa errada

Anônimo disse:
17 de junho de 2013 17:51

mais alguem lembrou da primeira dimensao alternativa da 3 temporada de yugioh gx na hora que o yuma e o shark vao pra debaixo do oceano?