2 de junho de 2013

[Zx 106 Analysis] Voe, Legendary Number 46!

episode106

Eae galerinha, como vão? Preparados para mais um Zexal Analysis? Eu sei que estão (Heart-Buuuurning!). Okay, okay. Então vamos nessa. (Melhor introdução de post da história! Heart-Buuurning!).



Tanto o episódio anterior quanto esse têm forte relação com a história de Misael, um cavaleiro que domava um dragão e morreu ao lado deste após a população jurar morte aos dois que eram considerados aberrações. Misael, por amor ao seu dragão, propôs se sacrificar para que o dragão vivesse, mas os rebeldes não aceitaram e acabaram por matar a ambos. O que nos faz lembrar da história de Durbe e o seu Pégaso, que foi mostrada no episódio 100 (clique aqui para relembrar), onde os dois também morreram lado a lado após revolta de outros caveleiros.

Dada a explicação, é hora de continuar com o duelo de Yuma e Jinlong, o espírito guardião do Legendary Number 46: Ethereal Dragon – Draggluong. Mas, observe que outra coincidência com a história de Durbe do episódio 99 e 100 é que ambos os Numbers eram protegidos por espíritos que representam a própria carta, no caso do Durbe, por Mach.

Duel Continue!

Acima apenas uma galeria para você ver as artworks das cartas que Jinlong usou durante este episódio e o episódio anterior, com qualidades melhores que as mostradas do post da semana passada. Note a grandeza e perfeição do Number 46 e dos outros dragões também. Tamanha perfeição só prova uma coisa: Eles poderão ser nossos, em breve… MUAHAHAHAHA

Kaito Cards:

Desperate Scrape
Normal Spell Card
Pague 800 Pontos de Vida, então selecione 1 monstro virado para cima que o oponente controla e corte seu ATK original pela metade.

Dragonic Divine
Normal Spell Card
Ative por pagar 1000 Pontos de Vida enquanto você controla um monstro Dragon de Level 8 ou maior. Uma vez durante este turno, você pode adicionar a Spell Card mais no topo do seu cemitério à mão.

Destiny Overlay
Normal Spell Card
Selecione qualquer número de monstros virados para cima no campo: Xyz Summon um monstro usando os monstros selecionados como material Xyz.

Aqui estão apenas as cartas mágicas do Kaito, que foram bem acima da média dos duelos do Yuma onde a maioria que aparecem na continuação de um duelo são armadilhas (#fato). Desperate Scrape é a carta que Kaito usou para diminuir o ATK do Soul-Eating Divine Dragon – Drain Dragon do Jinlong, que ganha pontos de ATK igual aos pontos de vida de Kaito, sendo que o seu ataque original já é bastante alto (4000).

Com Desperate Scrape e Dragonic Divine, Kaito diminui a sua vida de 4000 para 1400, e o ataque do Soul-Eating de 8000 para 2400 já que Desperate Scrape corta o ATK original do monstro pela metade (no caso, de 4000 é cortado para 2000 e depois para 1000. Logo, 1000 + 1400 dos LPs do Kaito = 2400). Em suma, Desperate Scrape é uma Shrink mais fraca (que foi mais útil nesse caso), e Dragonic Divine chega a ser útil se vier para nós com esse efeito (pense em um deck Photon Galaxy para reviver as mágicas de suporte).

A última mágica, Destiny Overlay, é uma Soul Exchange só que para Xyz, o que me leva a acreditar que se vier terá um efeito semelhante a esse: “Selecione 1 monstro virado para cima que o oponente controla. Neste turno, você pode Xyz Summon um monstro utilizando o monstro selecionado como material Xyz”. Seria lega, não seria?

Killing Reward
Normal Trap Card
Quando um monstro do oponente é destruído, aplique o seguinte efeito dependendo do seu Level:
Level 5 ou 6: Compre 1 carta;
Level 7 ou maior: Compre 2 cartas;

Destiny Break
Continuous Trap Card
Durante a Battle Phase do oponente, quando um monstro do oponente declara um ataque direto: Compre 1 carta e revele-a ao oponente, então se ela for um monstro, negue o ataque, caso contrário envie a carta comprada ao cemitério. No final da Battle Phase, destrua esta carta, então Special Summon quaisquer monstros comprados pelo efeito desta carta da sua mão. Seus efeitos são negados.

Galaxy Dragon Rain
Counter Trap Card
Se um monstro Dragon Xyz batalha, e o oponente ativa uma Spell ou Trap Card: Negue a ativação, e se fizer, destrua-a, e também negue os efeitos de todos os monstros que o oponente atualmente controla.

Agora sim as armadilhas. Killing Reward é uma carta que falta para ser lançada, você sabe: obter algum benefício quando destrói um monstro de nível alto, como realmente acontece na vida real, ou pelo menos, nas histórias que ouvimos por aí. Até mesmo na história de Misael, onde quem derrotasse o dragão receberia uma recompensa ou algo do tipo. Neste caso, só precisaria mudar uma coisa no efeito: que os monstros fossem destruídos em batalha, para não abusar. Como é uma Normal Trap Card, só pode serusado uma vez, então de qualquer jeito estaria bom.

Destiny Break é a carta que garantiu que Kaito se segurasse dos ataques dos monstros de Jinlong por um turno, e invocasse exatamente 2 Galaxy Knight no final dele. Um movimento bastante arriscado, e foi pura sorte de protagonista que as duas cartas do topo do deck eram idênticas.

Para o ataque final, Kaito usou Galaxy Dragon Rain, para negar uma carta de Jinlong e os efeitos do seu Number 46 que por ironia negavam os do Neo-Galaxy Eyes Photon Dragon do Kaito-chan.

Jinlong Cards:

Dragon Dance
Normal Trap Card
Quando um monstro do oponente seleciona um monstro Dragon Xyz que você controla como alvo de ataque: Bana 2 monstros Dragon em seu cemitério; O monstro atacante perde pontos de ATK igual ao total combinado do ATK dos monstros banidos.

A única carta nova do Jinlong. Repare que na armadilha decisiva de Kaito aparecia o Neo-Galaxy Eyes, e na de Dragon Dance de Jinlong, o Number 46 junto com o Mystical Water Dragon, logo podemos dizer que essas duas foram baseadas em algum poder dos dragões assinatura desses personagens, o que é bem comum em Yu-Gi-Oh!. E, os dois são suporte para dragões Xyz, então se vierem ao jogo será uma grande ajuda para esse tipo de monstro. Quanto ao efeito de Dragon Dance, é útil (Dragon Rulers rulez – Poxa, até o nome deles já diz que eles vão continuar no comando por um bom tempo).
 

Após o duelo, Jinlong aparece para Kaito e os outros em sua forma original de dragão, e o avisa sobre a ameaça dos Barians. Jinlong confia a Kaito o seu poder e o controle do Number 46 a fim de protegê-lo dos Barians que querem ressuscitar Don Thousand. Nessa hora Astral recebe as memórias do mundo Barian que já foi mostrada antes, onde Astral e Don Thousand se uniam em uma overlay network, e de uns meteoros caindo e destruindo a Terra (ou seria o próprio mundo Barian?).

 

Então vou deixar esse mistério no ar até encontrarmos mais explicações nos próximos episódios. Estou com um pressentimento que em breve seremos surpreendidos de alguma forma no universo Yu-Gi-Oh (news?), então até lá, comentem o que acharam desse episódio, deem seus palpites e a mesma coisa de sempre. Heart-Buurning! Até mais.

Comentários
11 Comentários

11 Comentários:

Anônimo disse:
2 de junho de 2013 20:29

então o kaito ficou com o number 64 mesmo... interessante, ja tava na hora dele substituir o galaxy photon

Anônimo disse:
2 de junho de 2013 20:37

E 46 e nao 64 kkk

Lucas Gaspar disse:
2 de junho de 2013 20:41

Quero mt esse number 46.

Anônimo disse:
2 de junho de 2013 21:25

Blu vc podia fazer uma categoria que fale de cartas exclusivas do mangá, se vc aceitar essa minha ideia eu sugiro que vc comece pelos vision heroes ou os maskeds

CyberBlu disse:
2 de junho de 2013 21:25

Verdade, é Number 46, me confundi na hora de digitar, só pode. Ou então é porque o Number 64 é o próximo Legendary, né?

CyberBlu disse:
2 de junho de 2013 21:26

@Anônimo[21:25] O Buuh esta fazendo uma série dos Elemental Heroes e depois vai falar dos Omni Heroes que são do mangá do Gx. Vou falar com ele, quem sabe ele continue falando dos Vision e Maskeds :)

Anônimo disse:
2 de junho de 2013 21:29

vlw Blue :)

Anônimo disse:
3 de junho de 2013 00:17

so nao entendi como o velho pegou o controle do galaxy eyes do kaito

Anônimo disse:
3 de junho de 2013 00:23

o velho pegou controle do galaxy-eyes do kaito com o o efeito do n46 q quando ele naum possui overlays pode tomar controle de um dragao do oponente,se o oponente naum pagar metade dos pontos de vida.

CyberBlu disse:
3 de junho de 2013 20:50

Não queria dar muitos spoilers do que aconteceu no duelo mas isso meio que ficou sendo importante para quem viu a RAW. Obrigado ao anônimo que respondeu o outro ali em cima, esta certíssimo.

Anônimo disse:
3 de junho de 2013 23:45

vlw pessoal eu realmente não tinha entendido aquela parte do episodio mais graças a vcs eu entendi