18 de abril de 2012

Archetype: Djinns

Archetype

Símbolo Djinn Xyz

Eae galerinha, como vão? Hoje vim dar mais um UP para a categoria de Archetypes aqui no Y7, e como foi o lançamento do Starter Deck 2012: Xyz Symphony, resolvi falar sobre o mais novos Archetype chamado Djinn!

 

Os Djinns são criaturas DARK Fiend, XYZ de RANK 3 (Exceto Maestroke the Symphony Djinn que é RANK 4), usados por Yuma Tsukumo no anime e mangá.

 

Não confundir com Djinns of Rituals, pois estes possuem efeitos que dão suporte aos monstros de rituais, e não tem nada a ver com os Djinns Xyz - E apesar de alguns considerarem sendo do mesmo archetype por causa do nome em comum, vamos dividi-los aqui em três grupos para melhor entendimento: Djinn Xyz, Djinn of Rituals e outras criaturas que, apesar de não carregarem o nome Djinn, são consideradas por causa da artwork (Cartas antigas). Depois vale visitar a página oficial dos Djinns na Wikia para saber todos os membros.

 

A imagem no começo desta postagem é do símbolo dos Djinns Xyz, que é uma nota musical onde é possível ver a face de uma criatura do mal. É meio caminho andado, pois todos os membros estão relacionados a algum instrumento musical, e não apenas isto, todos eles, tocam um instrumento musical (exceto Maestroke). Veja:

 

Djinns

Da esquerda para a direita: Melomelody the Brass Djinn (Instrumento de Bronze), Muzurhythm the String Djinn (Instrumento de Corda), Temtempo the Percussion Djinn (Instrumento de Percussão). O Maestroke, não presente na imagem, é o Maestro.

 

Repare que no fundo de todos os Djinns esta presente o símbolo anteriormente citado, e que todos são pequenas criaturas de chifres. Também é interessante observar que cada Djinn possui um Atributo diferente. Da esquerda para a direita: Atributo LUZ, Atributo AR e atributo TERRA. O Maestroke tem atributo TREVAS.


Agora que conhecemos um pouco do que se trata os Djinns, vamos a parte mais interessante: Seus Efeitos. Pode ser difícil acreditar que criaturas tão dóceis como eles possam ter efeitos tão devastadores como realmente tem.

 

De uma forma ou de outra, os Djinns estão em completa harmonia durante o tempo todo, um fortalecendo o outro como numa verdadeira orquestra musical. Todos possuem efeitos que dão vantagens aos Djinns Xyz em geral (Outro motivo da separação entre os Djinn of Rituals e Djinn Xyz):

 

Temtempo

Vamos começar pelo Temtempo the Percussion Djinn, pois seu efeito é o mais interessante (Digamos que ele tem tempo):

2 Level 3 Monsters
Uma vez por turno, durante o turno de qualquer jogador: Você pode remover 1 material Xyz desta carta para selecionar 1 monstro Xyz que o oponente controla: remova 1 material Xyz do monstro selecionado, e todos os monstros “Djinn” Xyz que você controla ganham 500 pontos de ATK.

Esse monstro tem efeito semelhante ao Overlay Eater, porém com uma vantagem diferente, pois aumenta o ataque dos Djinns Xyz ao invés de adicionar uma unidade overlay a um monstro Xyz no campo. Podemos imaginar ele como sendo um bom membro para decks Anti-Overlay (Se é que isso existe). Além disso, ao utilizar esse efeito, o ATK do Temtempo passa a ser 2200 (Original é 1700).

 

Muzurhythm

O segundo é o Muzurhythm the String Djinn.

2 Level 3 Monsters
Durante a Damage Step quando um monstro “Djinn” Xyz é atacado por um monstro do oponente: Você pode remover 1 material Xyz desta carta; o ATK do monstro atacado é dobrado até a End Phase. O efeito de “Muzurhythm the String Djinn” somente pode ser ativado uma vez por turno.

 
 
É o segundo melhor monstro em minha opinião, pois seu próprio ATK pode ser dobrado para 3000 (Original é 1500) uma vez por turno enquanto é atacado pelo oponente, ou ainda fortalecer outro membro deste archetype.
 
 

MelomelodyE então chegamos ao Melomelody the Brass Djinn.

2 Level 3 Monsters
Uma vez por turno: Você pode remover 1 material Xyz desta carta para selecionar 1 monstro “Djinn” Xyz que você controla; Neste turno, aquele monstro pode atacar duas vezes durante a Battle Phase.

Um efeito digamos que “devastador”, pois como os Djinns se auto fortalecem (Principalmente pelo efeito do Temtempo), se ganharem um ataque adicional na mesma Battle Phase pode ser ótimo. Se você conseguir declarar dois ataques diretos com apenas o Melomelody, já são 2800 pontos de dano, que para um Xyz RANK 3 está excelente.

 

Maestroke

Por último e não menos importante: Maestroke the Symphony Djinn. O guardião dos Djinns Xyz:

2 Level 4 Monsters
Uma vez por turno: Você pode remover 1 material Xyz desta carta para selecionar um monstro em Posição de Ataque que o oponente controle: mude-o para a Posição de Defesa virado para baixo. Se um monstro “Djinn” Xyz que você controla seria destruído, você pode remover 1 material Xyz desta carta ao invés.

Deixei esse por último para não confundir. Seu RANK não é 3 como os outros, e sim 4. As mesmas condições para invocar Number 39: Utopia se aplicam a este monstro (2 Level 4). Os dois efeitos do Maestroke chegam a um ponto de ser suficiente para garantir vitória. Imagine-se em uma situação onde o oponente possui um monstro de alto poder de ATK e baixa DEF, ou ainda quando o oponente acaba de ativar um Morphing Jar e você não teve boas cartas na mão. Remova 1 material Xyz do Maestroke e tenha um efeito FLIP reativado futuramente ou ainda uma baixa defesa a espera de um golpe fatal. O segundo efeito protege não só ele de ser destruído mas também todos os Djinns Xyz, ou seja, ele é o guardião dos “Djinns” Xyz.


Combo1

A maneira mais fácil e rápida de invocar os Djinns Xyz é pelo efeito de Tour Guide from the Underworld que todo mundo conhece e odeia. Ao ser Normal Summoned, a Tour Guide pode chamar outra Tour Guide, um Sangan ou um Tour Bus from the Underworld todos de nível 3. É a condição perfeita para invocar Temtempo, Muzurhythm ou Melomelody. Pode também ser invocados por Goblindbergh / Trident Warrior e Feedback Warrior presentes no Starter Deck 2012.

Combo2

Enquanto que para invocar o Maestroke, a maneira mais fácil é com Tinplate Goldfish, uma carta que ultimamente esta sendo bastante usada, pois permite a invocação instantânea de um monstro de nível 4 da mão assim que ele é invocado normalmente. Pode ser qualquer nível 4, na imagem eu usei o Sacred Crane, pois quando ele é invocado especialmente você pode comprar 1 carta. Mas também pode ser invocado rapidamente com Goblindbergh / Trident Warrior e Shine Knight, que estão presentes no próprio Starter Deck 2012.


Deck: Deck de Djinns?

Não é focado 100% em chamar os Djinns ao campo, até porque esse archetype não possui muitos suportes e ainda por cima não é possível rodar sozinho, visto que precisa de monstros de Level 3 para as invocações (sério?). Além disso, é um deck jogável, ou seja, quando você não quiser um Djinn, basta invocar outro Xyz ou até mesmo Dark Simorgh para bloquear o oponente.


É isso ae galerinha, espero que tenham gostado. Não esqueçam de clicar em Tweetar abaixo do título da postagem e então deixar o seu comentário. Sugestões são bem-vindas.

Comentários
2 Comentários

2 Comentários:

Cannon disse:
18 de abril de 2012 19:36

me a p a i x o n e i pelos djjins!

Anônimo disse:
6 de junho de 2013 16:20

What a stuff of un-ambiguity and preserveness of precious know-how about unpredicted
emotions.

My blog post ... cellulite treatment reviews