23 de janeiro de 2012

[Resultado + Votação] 3º Momento Card Maker Feliz: Os Mini-Archetypes!

mcmf31

Recebemos poucas cartas neste MCMF, e é com razão que eu digo: “O tema não estava legal”. Em primeiro lugar, exigia mais de um monstro, no mínimo dois e no máximo cinco, isso é bastante, poucos tiveram tempo e paciência para elaborar um arquétipo pequeno e que funcionasse de alguma forma. Entendemos o erro, e achamos nada mais justo que postar os que recebemos para vocês avaliarem e decidirem o melhor. Sem mais, vamos lá…

 

 

ARQUÉTIPO Guardiões do Passado [ Por Zue Shi ]

 

guardianpast

Black Luster Knight – The Guardian of Past (Cavaleiro do Lustro Negro – Guardião do Passado)
LVL. 9 / DARK
ATK: 3000 / DEF: 2500
Spellcaster / Effect
Se você não controla monstros, por pagar 1000LPs: Special Summon esta carta (da mão). Na sua próxima Standby Phase, pague 1000LPs ou destrua esta carta.

 

Esse monstro é a counterpart do BLS (sério?) em versão Guardião do Passado. A história sobre ele é que vive viajando para o passado para travar guerras sangrentas com seu rival:

 

jurassic

Chaos Emperor Mount – The Guardian of Past (Montaria do Imperador do Caos – Guardião do Passado)
Lvl. 9 / DARK
ATK: 3000 / DEF: 2500
Dragon / Effect
Você pode Special Summon esta carta da mão enquanto controla 4 monstros no campo com ATK original menor que esta carta. Na sua próxima Standby Phase, pague 1000LPs ou destrua esta carta.

 

Esse é o counterpart guardião do passado do CEP (Chaos Emperor Dragon, para quem não sabe), e a história dele é semelhante ao seu rival, vive viajando pelo passado e aterrorizando a humanidade, até que o BLK (Black Luster Knight) chega para acabar com seu barato.

 

Analisando como um todo, Zue Shi foi o único que nos enviou o mínimo de cartas possível, apenas dois monstros counterpart de criaturas lendárias com uma jogabilidade diferente, que necessita pagar até 2000LPs para tê-los em campo. Não consigo parar de pensar que eles fariam um ótimo combo em decks como Malefics, que também possuem esse poder de invocar criaturas fortes por um pequeno custo a ser pago, e dependem de outras cartas para se manter em campo (no caso dos Guardian of Past, precisa de vida para ficar em campo).

 

O BLK é perfeito para situações em que o seu campo esta limpo e sujeito a ataques diretos no próximo turno, enquanto o ECM parece que foi feito para ser utilizado em parceria com Scapegoat, aquela carta que defende o seu campo colocando 4 tokens.

 

Mesmo tendo seus pontos fracos, esse mini-archetype tem cartas como suporte também, como Life Absorbing Machine que recupera metade dos LPs que você pagou no próximo turno (se ter 2, ganha a mesma quantidade).

 

ARQUÉTIPO Time [ Por Vinicius Vieira ]

Clique em Exibir Apresentação de Slides ou em Baixar Tudo para conferir o efeito das cartas.

 

Na primeira participação do Vinicius Vieira e ele fez um mini-archetype bem interessante, porém com algumas falhas que vou citar em breve.

 

A carta Distortion é bem interessante, e que sozinha faria parte de muitos decks, seu efeito consiste em destruir 1 monstro do oponente e então banir 2 cartas no seu cemitério. Com essa remoção, podendo ser mágicas, armadilhas e monstros, possibilitaria muitos combos, como por exemplo com Chaos Zone e em decks que utilizam Guardian Eatos ou simplesmente os D.D.

 

Time Guardian e Time Reaper não podem estar no campo ao mesmo tempo, porém ambos possuem efeitos bem interessantes e são poderosos. O monstro de efeito Time Guardian tem um efeito de Special Summon um monstro de nível 2 do seu deck ao invés de efetuar a compra normal em seu turno, além de ser um monstro com 4000 de ATK e apenas nível 8. Já o Time Reaper é um synchro nível 8 com alto poder de ataque também, sua habilidade especial é de que por remover todas as cartas no cemitério do jogo, todas as cartas mágicas e armadilhas seriam destruídas.

 

O Time Reaper esta muito apelão, pois se você tivesse 30 monstros no cemitério enquanto tivesse Field Barrier e Chaos Zone, o que aconteceria é que o campo Chaos Zone ganharia 30 Chaos Counter assim que esse efeito ativado, então, quando se ativasse o efeito do Time Reaper, o campo estaria protegido e assim você destruiria Field Barrir no lugar. Isso faria com que você invocasse monstros da área de banidas de nível até que somados desse 30. E essa situação de duelo é muito fácil de fazer graças a algumas cartas como Magical Merchant. O Time Guardian funcionaria bem se fosse nas épocas mais antigas onde monstros de baixo nível não importasse muito. Hoje, a maioria dos monstros fracos de efeito possuem algo que vale a pena.

 

Time Rift e Time Traveller são as outras duas cartas do mini-archetype Time, a Time Rift tem o efeito de aumentar o ATK e DEF dos monstros Time em 300 pontos, exceto de Time Guardian e Time Reaper. Com isso, o único que poderia ser atingido neste archetype é Time Traveller, além dos monstros Time já conhecidos como Time Wizard, Time Escaper, Metaion, the Time Lord e por aí vai.

 

Time Traveller tem o efeito de por descartar 1 carta, adicionar 1 Tuner do deck a mão. Isso é um problema, ainda mais se por exemplo você tiver usando um deck Fabled, o que aconteceria mais ou menos se você tivesse 3 The Fabled Cerburrel é de por você descartar ele adicionar outro para a mão, e com isso o Cerburrel descartado seria invocado especialmente ao campo, além de obter outro para a mão e poder utilizar o efeito do Traveller até ter 3 em campo. Possibilitando fazer um Stardust Dragon em um único turno.

 

Tem cartas bem boas nesse mini-archetypes, mas eu acho que poderia melhorar, e o nome dele poderia ser diferente. Sugeria “Timers”, “Time Time” ou outra coisa, que ainda não tivesse em Yu-Gi-Oh!

 

ARQUÉTIPO Dread [ Por Otavio ]

 

Clique em Exibir Apresentação de Slides ou em Baixar Tudo para conferir o efeito das cartas.

 

Por coincidência, pude perceber uma semelhança entre o mini-archetype Dread e o Time do Vinicius, mas é pura coincidência, não?

 

Vamos começar pelo Dread, Messenger of Death, um Xyz bem interessante que necessita de apenas 2 monstros de nível 4. Digo que ele ficou mal pensado, pois seu efeito é de por remover um material dele uma vez por turno para invocar um monstro de nível 4 do deck. Esse efeito, sem nenhuma restrição e alto poder, possibilitaria sozinho vários combos. Mas não para por aí, o segundo, quando ele não possui material Xyz, você pode adicionar uma carta Spell do seu deck para a mão. [OMG! What’s it?"]. Ficou muito apelão para um simples monstros de RANK 4 que só precisa de 2 monstros para sua invocação.

 

Uma carta que achei interessante foi a The Fallen Army, seu efeito esta bom, que pode causar um lockdown ao oponente caso ele tenha pouca vida, impossibilitando-o de ativar cartas armadilhas. Se você pagar 500LPs ou descartar 1 carta da mão, pode ativar uma armadilha. Se o oponente usar deck DW seria muito favorecedor a ele esse efeito, e caso use um deck Heal, 500LPs não será problema. O problema é se você puder ativar esse efeito sempre que quiser ativar uma armadilha, pode desfavorecer você também.

 

Kyo, the Dread Command tem um efeito de poder invocal especialmente um monstro Dread de nível 4 ou menor do deck e ainda por cima impedir que ambos jogadores ativem Spells e Traps. Por ser um nível 3, esse efeito esta bem forte. Além disso, ele pode invocar outros monstros também como Dread Dragon que é um tuner mas não desse mini-archetype ou outra cópia de Kyo para chamar um Xyz RANK 3.

 

Parece que a arma poderosa do deck é Joo the Dread Queen, que só pode ser invocada pela mágica normal Dreadly Call. Removendo todas as cartas no cemitério você pode invocar a bendita Joo. Já comentei no archetype anterior qual é o problema em banir todas as cartas no cemitério. Isso foi mal pensado. Agora, o efeito da Joo é de uma vez por turno selecionar e reduzir o ataque de um monstro do oponente pela metade (como Blackwing – Gale the Whirldwind). O preço de manter ela no campo é bem justo e compensa seu efeito. Mas a carta que invoca ela ainda deve ser refeita…

 

ARQUÉTIPO Malum Imperator [ Por DREATHMETALMAN (Enzzo S) ]

 

Clique em Exibir Apresentação de Slides ou em Baixar Tudo para conferir o efeito das cartas. OU então, confere abaixo:

Summus Bellator (Guerreiro Supremo)

Essa carta pode atacar duas Vezes. Uma Vez Por Turno, você pode mandar essa carta do Campo para o Cemitério para Invocar por Invocação especial um MALUM IMPERATOR do seu Cemitério. Destrua essa Carta. Se essa Carta foi destruida desse jeito, Special Summon ele na End Phase

 

Hasta Contiger: (Guerreiro da Lança)

Quando essa Carta é special Summoned do Grave, você pode destruir uma Carta que você controla para ativar um dos seguintes efeitos:

-Destrua duas Cartas que seu Oponente controla

-Bana uma Carta qu o seu Oponente controla

 

Malum Imperii Arcem, Incoli a Dominus (Castelo Império do Mal, Habitado pelo Lord)
Ambos Jogadores podem Invocar MALUM IMPERATOR com um Tributo menos que o requirido. Uma vez por turno, você pode Normal Summon 1 MALUM IMPERATOR extra da sua Mão. Destrua-no na End Phase.

 

Canis Custos (Guarda Canina)

Quando essa Carta está Face-Up no Campo, você pode diminuir o Level de Todos os MALUM IMPERATOR no Cemitério, Campo ou Mão por 2. Quando essa Carta é mandada do Campo para o Grave, você ganha 100 LP

 

Ferrum Dominum (Lorde do Metal)

Essa Carta é mandada para o Grave ao Invés de Ser Removida. Para Cada turno, reduza o Nível dessa Carta em Um. Uma vez Por Turno, você pode pagar o Level desse Monstro x100 para Invocar um MALUM IMPERATOR do seu Deck, mão ou cemitério com um nível menor que essa Carta.

Você deve ter percebido que o nome dos monstros são em latim. DREATHMETALMAN, mais conhecido como Enzzo S, se preocupou em fazer algo bem inovador.

 

Todos possuem alto nível, como pode perceber, então podemos conferir que eles não são de fácil invocação, mas seus efeitos compensam esse detalhe, além do mais existem cartas que diminuem o nível dos monstros em sua mão e assim possibilita a invocação mais rápida.

 

Os MALUM IMPERATOR são especialistas em invocar monstros do cemitério, então uma vez em campo ou em cemitério, é como se tudo ficasse mais fácil.

 

Um exemplo disso é Summus Bellator, que pode invocar um outro MALUM IMPERATOR do cemitério por enviá-lo ao cemitério e caso tenha feito, ele retorna na End Phase ao campo e o Malum Imperator invocado volta ao cemitério.

 

Parece que Summus Bellator foi feito sob-medida para Hasta Continger, os dois combinam perfeitamente. Quando o Hasta Continger é invocado do cemitério, seu efeito se ativa e por você destruir uma carta no seu lado do campo, pode destruir duas no campo ou oponente ou banir apenas uma.

 

Canis Custos é um nível 4, e seu efeito favorece totalmente os Malum Imperator, pois enquanto esta no campo, o nível de todos os Malum Imperator na mão, cemitério, campo ou deck diminuem em 2 pontos. Isso possilitaria invocações muito mais fácis, ainda mais se estiver acompanhado, disto:

 

Malum Imperii Arcem, Incoli a Dominus: o campo mágico dos Malum Imperator. Com ela, todos os monstros Malum Imperator precisam de um tributo a menos para serem invocados, o que significa que os de nível 6 podem ser Normal Summon sem tributo e os de 7 ou maior precisarão de apenas 1 tributo. O outro efeito desse castelo sombrio é que uma vez por turno você pode normal summon um monstro Malum Imperator extra, mas ele é destruído na End Phase.

 

O último é Ferrum Dominum, que tem efeito de diminuir seu nível em 1 uma vez por turno, e por pagar LPs igual ao nível dele x100, você pode Special Summon 1 Malum Imperator com o mesmo nível da mão, deck ou cemitério. Seu nível é 6, por pagar 600LPs você pode invocar um Hasta Continger de nível 6 do deck, se Canis Custos estiver em campo o nível dele fica 4, o que pode também ajudar na Summon de Xyz em geral. Ferrum Dominum pode fazer Xyz Summon de monstros RANK 2, 4, 6 ou oito, o que é muito bom.

 

O lado ruim desse archetype é o alto nível mesmo, e por ser um mini-archetype, algumas cartas não podem vir na hora certa, entretanto é altamente ofensivo (o que pode significar problema em algumas horas). Ponto fraco: Macro Cosmos Deck, já que removeria do jogo e não possibilitaria os combos.

 


Agora você decide! Qual mini-archetype se destacou mais nesse MCMF!? Vote pela enquete no topo da página, ao lado direito. Lembrando que não se deve levar em consideração o meu humilde “review” deles, e sim a sua opinião é que vale. Também vote na enquete para decidir o 4º MCMF no topo, ao centro.

 

Resultado sairá SÁBADO dia 28/01.

Comentários
3 Comentários

3 Comentários:

BuBa disse:
23 de janeiro de 2012 17:48

Para mim o melhor eh sem duvidas o ultimo, os outros tem cartas broken demais .-.

Anônimo disse:
23 de janeiro de 2012 18:32

todos tem o lado bom e todos o lado ruim, nenhum é perfeito e se fosse deixaria de ser (alguém entendeu ;( ?) é isso aí

Enzzo S disse:
23 de janeiro de 2012 23:02

Achei todos legais!
Obrigado!